Uma pilha de livros

O livro “Educação e Política: o enfoque da diversidade e deficiência na Amazônia”, lançado na última quinta (5), no auditório Rio Alalaú da Faculdade da Educação, é resultado das pesquisas realizadas no âmbito do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Psicopedagogia Diferencial (NEPPD), da Faced. É a segunda publicação do grupo de pesquisa criado em 2001 que engloba o corpo discente de graduação, mestrado e doutorado de diferentes cursos da Ufam.

“Educação e Política: o enfoque da diversidade e deficiência na Amazônia” reúne pesquisas de alunos da graduação desenvolvidos a partir do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic), professores de outras instituições como a Universidade Federal Fluminense. Para contextualizar a realidade internacional acerca da inclusão social, o livro conta também com o relato de uma professora da Espanha. Além de abordar as problemáticas de inclusão/exclusão das pessoas com deficiência, principalmente no campo da educação, artigos que versam sobre a educação em áreas rurais e indígenas (escolhidos por um comitê formado por docentes da Universidade de São Paulo e da Universidade Federal de Santa Maria que possuem pesquisas reconhecidas sobre o tema) integram a coletânea organizada pela professora Maria Arminda Matos. da terceira obra está programa para outubro, durante a realização do IV Seminário de Autismo, também organizado pelo núcleo.

A professora Maria Arminda comenta que apesar de ser lei desde 2008 no Brasil, ainda há muita divergência e falta de conhecimento, por isso a importância do desenvolvimento das pesquisas do Núcleo, sobretudo no contexto amazônico. “A inclusão é um processo Ainda existe muito preconceito, inclusive dentro da própria academia. Devemos acreditar na potencialidade das pessoas com deficiência. Deixar essa visão patológica que vê apenas a deficiência e não a pessoa. Os espaços de educação tem que se modificar para aceitar a diversidade”, destaca.

A arrecadação feita com a venda dos livros é revertida para a continuidade da publicação das pesquisas em futuras obras. O eixo norteador das obras do NEPPD são as politicas públicas para educação inclusiva. A primeira publicação do NEPPD foi em 2012. O lançamento da terceira obra está programa para outubro, durante a realização do IV Seminário de Autismo, também organizado pelo núcleo