Captura de tela da revista

Acesse a revista na íntegra neste link.

O oitavo número de Sexualidade Saúde e Sociedade – Revista Latino-Americana traz um conjunto de artigos bastante representativos de algumas das principais linhas de pesquisa sobre sexualidade no cenário contemporâneo na Região. Destaca-se a que gira em torno do processo de construção e difusão do ideário dos direitos sexuais e reprodutivos. E nos textos que analisam esse processo não se trata apenas de defender tais direitos, mas de abordá-los como uma nova linguagem através da qual os sujeitos percebem a si mesmos, seus desejos e práticas, e se posicionam frente a questões cruciais da agenda política atual, como é o caso do reconhecimento do direito ao aborto ou da integração social das homossexualidades. De diferentes maneiras exploram como a linguagem dos direitos se corporifica no cotidiano, como se entrelaça com outros valores sociais para compor uma trama cerrada de representações e de significados. Para isso, as pesquisadoras e pesquisadores cuja reflexão apresentamos nesse número trabalham com maestria com diferentes técnicas de pesquisa qualitativa e articulam importantes matrizes do pensamento sociológico, como a que deriva do interacionismo simbólico ou da antropologia da performance e das emoções.

Fonte: CLAM