A capa, em sentido vertical, tem o verde escuro como cor de fundo. Do topo para a base, a tonalidade do verde fica gradualmente mais clara. Na metade superior da capa, alinhado à esquerda, o título da obra está escrito em letras maiúsculas. "HISTÓRIAS DE" está na primeira linha e "BAIXA VISÃO", na segunda. Também alinhado à esquerda, na metade inferior da capa, em fonte menor e em letras maiúsculas está escrito "MARIANA BAIERLE" e, abaixo, em letras minúsculas e entre parênteses está escrito "(organizadora)". Todas essas informações estão escritas em letras brancas. Na base da capa, centralizado, aparece o logotipo da editora Moura S.A., representado por um círculo verde que contorna um "M" maiúsculo sobre o nome "MouraSA".
Histórias de baixa visão – Mariana Baierle (organizadora)

O livro é uma coletânea de dezenove autores que retratam suas perspectivas de ser e estar no mundo a partir da ótica da baixa visão.

Após sucesso no lançamento na Feira do Livro de Porto Alegre, o livro “Histórias de Baixa Visão” – organizado pela jornalista Mariana Baierle – começa agora a circular pelo Brasil e será lançado nas cidades de Curitiba e Rio de Janeiro. Na capital gaúcha, a sala oeste do Santander Cultural, com capacidade para noventa pessoas, ficou lotada e muita gente ficou do lado de fora. No dia 15 de dezembro (sexta-feira), às 19h, a obra será lançada oficialmente em Curitiba, na Livraria da Vila, no shopping Pátio Batel. No dia 20 de dezembro será a vez do Rio de Janeiro, na Livraria e Bistrô Moviola, às 18h. Nas duas ocasiões estarão presentes parte dos autores do livro para um bate-papo com o público: em Curitiba, Manoel Negraes, Mariana Baierle, Marilena Assis e Rafael Martins dos Santos e, no Rio de Janeiro, Fernanda Shcolnik e Rafael Braz.

O livro “Histórias de Baixa Visão”, uma publicação da Editora CRV, dá visibilidade às questões relativas à deficiência visual, em especial à baixa visão. A obra traz relatos biográficos e crônicas de 19 autores acerca de suas experiências com a deficiência visual.

A partir da obra é possível entender que a baixa visão é uma maneira muito própria de enxergar e de se relacionar com o mundo, o que coloca os autores – assim como uma grande parcela da população – em uma posição intermediária entre a cegueira e a visão dita “normal”. Em todo o Brasil temos 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual. Desse total, conforme o último Censo do IBGE, apenas 500 mil são cegas. Os outros seis milhões de indivíduos tem baixa visão, ou seja, um nível de visão inferior a 30%. A pessoa com baixa visão possui um resíduo visual bastante útil em diversas situações cotidianas, não sendo nem uma pessoa que enxerga normalmente nem uma pessoa cega.

Mais sobre a obra neste link.

Para aquisição do livro:

Em Porto Alegre, a obra é comercializada na Livraria Mosaico (Rua Riachuelo, 1264 – Centro Histórico, telefone (51) 3221 5553).

É possível adquiri-la também diretamente pelo site da Editora CRV em qualquer parte do país, neste link.

Acesse por aqui a página do livro no Facebook.

 

SERVIÇO:

O quê: Lançamento em Curitiba/PR e bate-papo com os autores Manoel Negraes, Mariana Baierle, Marilena Assis e Rafael Martins dos Santos

Quando: 15 de dezembro (sexta-feira)

Local: Livraria da Vila – Shopping Pátio Batel (Avenida do Batel, 1868 – Curitiba/ PR)

Horário: 19h

_______________________________

O quê: Lançamento no Rio de Janeiro e bate-papo com os autores Fernanda Shcolnik e Rafael Braz

Quando: 20 de dezembro (quarta-feira)

Local: Moviola – Livraria e Bistrô (Rua das Laranjeiras, 280 – lojas B e C – Laranjeiras – Rio de Janeiro/RJ)

Horário: 18h

Autores do livro: Mariana Baierle (organizadora), Adenirce Davi, André Werkhausen Boone, Ariane Kravczyk Bernardes, Fernanda Cristina Falkoski, Fernanda Shcolnik, Franciele Brandão, Gabriel Pessoa Ribeiro, Gilberto Kemer, Grazieli Dahmer, Heniane Passos Aleixo, Maicon Tadler, Manoel Negraes, Marilena Assis, Rafael Braz, Rafael Faria Giguer, Rafael Martins dos Santos, Renato D’Ávila Moura e Teco Barbero

Apoio: Associação de Cegos do RS (ACERGS), Faders – Acessibilidade e Inclusão,Porta da Toca Estúdio e Som da Luz

Contatos para imprensa:

Em Curitiba: Manoel Negraes – fone/wharsapp: 41 99201-2711 manoel.mid@gmail.com

No Rio de Janeiro: Fernanda Shcolnik – fone/whatsapp: 21 99634-7138 fernandashcolnik@gmail.com

Organizadora da obra: fone/ whatsapp: 51 98433-7368 mariana.baierle@uol.com.br

Leia também: